Shirley Carvalhaes

Gaivota

Shirley Carvalhaes
Shirley Carvalhaes 220 visitas

Quando vejo o céu
Sinto saudade do Amado que partiu...
Foi para o Pai preparar lugar para mim
Ali estar

Quando vejo o mar
E o vento querendo apagar a minha fé
Levanto as asas no ar
E sou como o raio no meio do temporal

Sou gaivota sobre o mar da revolta
Vou voando em direção da Sião, Sião, Sião, Sião
Não temerei o conflito do tempo,
Pois em breve com Ele vou reinar em Sião, Sião, Sião, Sião

E quando ali eu pousar
Verei a face do meu Amado
Então ser imaculada
E louvarei; Ele eu louvarei

Sou gaivota sobre o mar da revolta
Vou voando em direção da Sião, Sião, Sião, Sião
Não temerei o conflito do tempo,
Pois em breve com Ele vou reinar em Sião, Sião, Sião, Sião

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube