Marli

Garota Sereia

Marli
Marli 23 visitas

Eu fugi da minha casa
Que não podia me conter
Do homem que eu não posso controlar
Da minha mãe que me assombra
Apesar de ela já ter ido
Da minha filha que nunca dorme

Eu fugi do barulho
E do silêncio
Do tráfego nas ruas

Eu fugi para cima das árvores
Eu fugi para o céu
Da lagoa para a chuva
Que molhou meu cabelo
E encharcou minha roupa e minha pele
Escondeu minhas lágrimas
Escondeu meus medos

Eu fugi para a floresta
Eu fugi para as árvores
Eu fugi e fugi
Procurando por mim

Eu fugi passando pelas igrejas
E pela velha caixa de correio
Pelas macieiras
E pela senhora que nunca fala
Para cima das montanhas
Eu fugi para o cemitério
E segurei minha respiração
E pensei sobre a sua morte

Eu fugi para uma lagoa
Para cima das montanhas
Eu fugi e fugi
Procurando por ali

E eu vi as tumbas desmoronadas
E todos os nomes esquecidos
Eu provei a chuva
Eu provei minhas lágrimas
Eu amaldiçoei os anjos
Eu provei os meus medos

E o chão se abriu por baixo dos meus pés
E a terra me tomou em seus braços
Folhas cobriram meu rosto
Formigas marcharam por minhas costas
O céu negro se abriu
Me cegando

Eu fugi para a floresta
Eu fugi para as árvores
Eu fugi e fugi
Procurando por mim
Eu fugi para uma lagoa
Para cima das montanhas
Eu fugi e fugi
Procurando por ali

E eu senti o cheiro da carne dela queimando
Seus ossos apodrecendo
Sua decomposição
Eu fugi e fugi
Eu ainda estou fugindo

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube