Madame Saatan

Gotas em caos

Madame Saatan
Madame Saatan 14 visitas
Composição: Sammilz

Quando a chuva escorre pensamentos caem
Gotas em caos de selva avenida
Se o calor do outro no vapor do corpo
Enrolando do solto pra brindar o dia
Se o encanto serve pra qualquer moléstia
Pra curar encosto olho grande de ironia
Acontece e vinga como rio que vaza

Estranhos te lembram alguém que passou
Estranhos te lembram alguém que se perdeu

Quando vê passar o tempo como rio
Que também é teu sangue e glória
Se o inferno é o céu do dia a dia que passa devagar e morno
Só vivendo a pressa de andar em brasa
Perguntando o que pesa e o que quer agora
Acontece e vinga como rio que vaza

Estranhos te lembram alguém que passou
Estranhos te lembram alguém que se perdeu

São gotas em caos de selva avenida...

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube