Madame Saatan

Caos

Madame Saatan
Madame Saatan 16 visitas
Composição: Sammliz

Humano imundo, turbilhão de porcarias
Maldito seja e que se abram as feridas
Cretino, sujo, em sua cara eu cuspo
a verdade irreal, maldito imundo

modéstia aparte aqui somos todos iguais
menos que porcos, pouco mais que animais
Caos, submundo, humano imundo e submundo caos [2x]

CAOS

porcaria ou humano está todo sujo o pano
do escuro do caos e da lama
insanidade humana
tira o dedo da ferida que passou por essa vida
teu mundo irreal, putrefação social [2x]

toma conta do caos, do escuro e da lama
que coisa é a insanidade humana [2x]

CAOS

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube