Fernando Mendes

Das Dores

Fernando Mendes
Fernando Mendes 66 visitas
Composição: Fernando - Paulo Gilberto

Chamava-se Das Dores (Maria)
De tantos desamores (que havia)
Em sua vida nada (Maria)
Sonhava com o dia (o dia)
Em que feliz quem sabe seria
E então não choraria

O corpo ardendo em febre (sentia)
A fúria do desejo (que havia)
De se sentir querida (Maria)
E se fazer amada (queria)
E a solidão que mata Maria
Por fim acabaria

Seria então vitória (Maria)
Não fosse aquela história (que havia)
De que você seu corpo vendia
Só de ilusão vivia

Seria então da glória (Maria)
Não fosse aquela história (que havia)
De que você seu corpo vendia
Só de ilusão vivia

Chamava-se Das Dores (Maria)
De tantos dissabores (que havia)
Em sua vida nada (Maria)
Sonhava com o dia (o dia)
Em que feliz quem sabe seria
E então não choraria

O corpo ardendo em febre (sentia)
A fúria do desejo (que havia)
De se sentir querida (Maria)
E se fazer amada (queria)
E a solidão que mata Maria
Por fim acabaria

Seria então vitória (Maria)
Não fosse aquela história (que havia)
De que você seu corpo vendia
Só de ilusão vivia

Seria então da glória (Maria)
Não fosse aquela história (que havia)
De que você seu corpo vendia
Só de ilusão vivia

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube