Daniel Sastro

Daniel Sastro
Daniel Sastro 21 visitas
Composição: Francisco Daniel Castro Sales

Ela me chama de benzinho e me trata com jeitinho
Diz que sou seu amorzinho e quer viver de carinho
E quando a gente briga, ela logo quer chorar

Ela me abraça coladinho
Fecha os olhos de mansinho
Logo cai em seu rosto
Lágrimas com jeito tristinho
Então sinto no peito que sempre vou te amar

Logo percebo que o abraço é mais que um laço
Um braço no encaixo em forma de nó
Nunca vou te deixar tão só
Enquanto durar sempre vai estar
Ao lado de quem vai sempre cuidar
Do amor pra nunca mais acabar

Na nanana nanana do amor
Pra nunca mais acabar
Só eu te abraço com beijinho
Pois você é meu anjinho
Logo faço uma promessa
Sempre te encher de carinho
E nunca sozinha eu vou te deixar

Pois você é meu abrigo
Minha boneca meu destino
Por isso não vou deixar eu
Sem você não tem sentido
E em seus bracinhos
Vou sempre me amarrar

Logo percebo que o abraço é mais que um laço
Um braço no encaixo em forma de nó
Nunca vou te deixar tão só
Enquanto durar sempre vai estar
Ao lado de quem vai sempre cuidar
Do amor pra nunca mais acabar

Na nanana nanana do amor pra nunca mais acabar

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube