Daniel medeiros

Sina Nordestina

Daniel medeiros
Daniel medeiros 21 visitas
Composição: Jairo Araujo e Daniel Medeiros

O meu cavalo não sustenta o pescoço e a boiada tá berrando
no curral
No no meu cachorro só se avista pele e osso
E na catinga não se vê um pé de pau

Nem pra remédio se vê chuva lá no céu
O sol é quente de queimar mandacarú
Pra comer pão eu empenhei o meu chapéu
Pra comer carne eu matei meu boi zebú

Eu já rezei mais de duzentas ave- maria
Mas, sei que o homem lá de cima é capaz
Mas, nunca mais eu vou entrar em romaria
Quem sabe ele se zanga e manda chuva de mais

Não adianta me chamar de comunista
Falar da seca da sina dos enjeitados
Eu tô cansado de esperar voto perdido
Das promessas e também dos deputados

Lá ia laia .....

Comentários no Facebook

Vídeo do Youtube